Como é feito a manutenção de uma rodovia?

Você sabe o porquê a manutenção das estradas é tão importante para o desenvolvimento de uma região? Sabe como esse processo é feito? Então, descubra neste artigo! É inegável que as rodovias têm grande importância em nosso país. 75% da produção brasileira é transportada por estradas, de acordo com um levantamento feito pelo G1. A má [...]

Você sabe o porquê a manutenção das estradas é tão importante para o desenvolvimento de uma região? Sabe como esse processo é feito? Então, descubra neste artigo!

É inegável que as rodovias têm grande importância em nosso país. 75% da produção brasileira é transportada por estradas, de acordo com um levantamento feito pelo G1.

A má qualidade de uma estrada pode afetar a economia, a segurança, o turismo, entre outros fatores. A manutenção de rodovias é um tema muito importante, porém pouco abordado.

Pensando nisso, decidimos criar um artigo mostrando como é realizado o processo de restauração de rodovias, afinal, elas tem impacto direto em nosso dia a dia e todos devemos conhecer um pouco sobre o assunto.

Planejamento da manutenção de rodovias

Antes de levar o maquinário para a estrada, os engenheiros fazem um profundo estudo sobre a rodovia. Verificam o solo do local, o projeto da estrada, os possíveis agentes que causaram o desgaste (tempo, chuvas, excesso de peso etc.) e, só depois disso, apresentar o projeto de design do asfalto.

Outros aspectos, como a presença de redes de água e esgoto, o fluxo de veículos que usam a estrada etc. também são levados em conta. Esses mesmos estudos também são feitos na implantação de rodovias — considerando que um novo projeto ainda precisa atender à motivação para a qual foi desenvolvido.

Bases do asfalto

Ao contrário do que muita gente pensa, o asfalto não é colocado diretamente em cima do solo. É preciso preparar o local, usando camadas de outros materiais. A espessura dessas camadas pode variar, de acordo com o projeto do asfalto.

Essas camadas também irão absorver o impacto e as vibrações dos movimentos dos carros, pois se esses movimentos fossem absorvidos apenas pelo asfalto, ele não suportaria e se desgastaria com facilidade.

Antes da instalação dessas camadas, o solo passa por um processo de terraplanagem ou aterro, com o objetivo de preparar o local para receber as camadas de outros materiais mais finos.

Aplicação do revestimento asfáltico

Finalizado esse processo, é hora de aplicar o revestimento asfáltico, popularmente conhecido como asfalto. A palavra “asfalto” não se refere ao tipo de revestimento, mas o nome do ligante usado nesse revestimento. O revestimento é a soma desse ligante com um material agregado, como a pedra brita.

Importância da manutenção de estradas

Como dito no começo deste artigo, as estradas têm papel fundamental no transporte dos brasileiros. Por isso, as rodovias precisam receber manutenção constantemente.

Problemas relacionados à drenagem de água, ao crescimento no fluxo de veículos ou falhas no planejamento das obras são alguns dos motivos mais comuns da necessidade de manutenção de rodovias.

Sendo assim, é natural que todo asfalto precise de conserto um dia. Os materiais naturalmente se desgastam.

Logicamente que quanto melhor a qualidade do material usado e quanto mais cuidadoso for o planejamento do projeto, maiores são as chances de ele precisar de manutenção em seus primeiros anos de inauguração.

A manutenção das estradas faz parte do conjunto de obras fundamentais para o desenvolvimento econômico do país, uma vez que ajuda a levar desenvolvimento, cargas e empregos aos locais mais remotos do Brasil. Não por acaso, esse tipo de obra sempre está na lista de demandas dos cidadãos.

A De Amorim Construtora disponibiliza um excelente serviço de manutenção e implantação de rodovias por todo o Brasil, prezando por uma estrutura de altíssima qualidade e uma equipe treinada e especializada para este tipo de serviço, assegurando e proporcionando ótimas condições de uso. Para saber mais, acesse: https://bit.ly/2TkRzlf